Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
Geral
  • não publicado
  • Publicado: Domingo, 03 de Agosto de 2014, 08h19
  • Última atualização: 04/08/14 10h38

SMAM | Alimentação da mãe durante a amamentação

Crédito: BRETT STEVENS- CorbisDurante a amamentação todas as atenções estão voltadas para a saúde do bebê, mas a mãe não pode se descuidar da própria alimentação. Afinal, ela precisa estar saudável para produzir leite para a criança. A mãe que amamenta precisa ter uma alimentação adequada, pois a produção de leite exige do organismo da mulher uma ingestão de calorias e líquidos além do habitual. 

Entre as recomendações para as mamães está o consumo de uma dieta variada, incluindo pães, cereais, frutas, legumes, verduras, derivados do leite e carnes. Além de tomar água suficiente para saciar a sede. A jornalista Ana Laura Cartaxo , mãe do Marcelo, conta que buscou ajuda de um nutricionista para se informar. “Quando engravidei consultei com uma nutricionista para buscar orientações. Tanto na gravidez, quanto nos 11 meses que amamentei meu filho continuei comendo normalmente o que sempre comi, cortando apenas alimentos como refrigerante e café, para evitar cólicas no bebê. Não foi grande sacrifício, pois não eram alimentos que eu consumia em grandes quantidades”.

Já Mariane Oliveira cortou alguns alimentos ao ver a reação do bebê. A tradutora fez uma dieta orientada pelo nutricionista evitando alimentos que fermentam durante o processo de digestão como feijão, cebola, alho, ovos, entre outros. “Mantive a dieta mais restritiva pelos primeiros 100 dias de vida da minha filha. No dia em que eu não resistia e comia algo "proibido", notava que ela passava mal. Chegando perto dela completar 100 dias de vida, eu comecei a reintroduzir os alimentos aos poucos e a notar as reações. Amamentei até ela completar 2 anos e 9 meses e sinto saudade. Foi uma das experiências mais legais que eu pude viver até hoje”, relembra.

 

Assim como durante a gravidez, o consumo de bebidas alcoólicas não é recomendado. O café e outros produtos cafeinados devem ser ingeridos com moderação. Em caso de alergias ou intolerâncias alimentares tanto da mãe quanto da criança, deve-se procurar a orientação de um médico e/ou nutricionista para verificar a necessidade da restringir o consumo de algum alimento. Dietas direcionadas a perda de peso também devem ser evitadas. Mantendo uma alimentação saudável, naturalmente, a mãe elimina os quilos a mais ganhos durante a gestação.

Crenças populares como dizer que o leite é fraco e que ele não alimenta a criança são mitos. Mesmo uma mãe com uma dieta subótima (que não apresenta a melhor qualidade possível) produz leite de boa qualidade e deve amamentar.

 

Fonte: Gabriela Rocha / Blog da Saúde

Registrado em:
Adicionar Comentário

Comentários

  • Nenhum comentário encontrado
Fim do conteúdo da página