Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Geral
  • publicado
  • Publicado: Terça, 24 de Fevereiro de 2015, 11h50
  • Última atualização: 24/02/15 11h50

Mais de 3 mil profissionais já se apresentaram nos municípios que vão atuar no programa Mais Médicos

Dos 15.747 profissionais que se inscreveram na primeira chamada do programa Mais Médicos, 3. 304 já se apresentaram nos municípios que vão atuar. Esses profissionais são brasileiros com registro para trabalhar no país e começam a atender à população no próximo dia dois de março.

O médico Danilo Lobo Ramos, por exemplo, está lotado na zona rural do município de Livramento de Nossa Senhora, na Bahia, e conta que se sente motivado para melhorar a qualidade de vida da comunidade. "O programa tem critérios de seleção dos municípios muito justos. A presença dos profissionais de saúde dentro dessas comunidades é um elemento que melhora muito a qualidade de vida dessa população. Estamos motivados, tanto eu quanto minha esposa, e a nossa intenção é essa, chegar lá e junto com a equipe fazer o nosso melhor e contribuir para que a saúde da população de lá melhore".

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, está surpreso com o grande número de brasileiros inscritos na primeira chamada do programa Mais Médicos."Não só satisfeito como muito surpreso. Acho que desde o momento que nós tivemos mais de 15 mil inscrições nós não podemos dizer que. Quando a gente fez a incorporação do Provab, nós sabíamos que nós estávamos criando mais uma estratégia de estímulo a participação dos médicos brasileiros, mas o resultado é muito surpreende. A gente tinha uma perspectiva de que isso pudesse ocorrer daqui há alguns anos e começou acorrer há alguns anos antes do que a gente imagina, uma coisa para nós é muito positiva".

 

Ainda estão disponíveis 835 vagas para profissionais que tenham interesse em participar do programa Mais Médicos. Os interessados têm até às oito da noite desta terça-feira, 24 de fevereiro, para selecionarem os municípios que ainda precisam de profissionais. A seleção deve ser feita pela internet no site.

Fonte: Karina Chagas/ Agência Saúde

Registrado em:
Adicionar Comentário

Comentários

  • Nenhum comentário encontrado

Facebook

Twitter

Fim do conteúdo da página