A exibição do player de áudio desta página depende de javascript. Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Geral
  • publicado
  • Publicado: Quinta, 03 de Agosto de 2017, 08h00
  • Última atualização: 03/08/17 19h09

Rede Ebserh promove ações na Semana Mundial do Aleitamento Materno

Conscientização a respeito da importância da amamentação pauta iniciativa

amamentacao hosCom o tema “Ninguém pode fazer por você. Todos podem fazer junto com você”, iniciou ontem, a Semana Mundial do Aleitamento Materno e o mês de conscientização sobre a amamentação, Agosto Dourado. Diversos hospitais da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) realizam ações voltadas para lactantes, familiares e colaboradores das unidades, a fim de conscientizar sobre a importância do aleitamento materno, considerado o melhor alimento para o bebê.

Entre os benefícios do aleitamento para o bebê estão redução da obesidade, do diabetes, dos problemas gastrointestinais e alergias. “Amamentar não é só matar a fome, é dar nutrição e saúde”, afirma Marielle Ribeiro, enfermeira do Banco de Leite Humano da Maternidade Escola Assis Chateaubriand (Meac). A unidade da Universidade Federal do Ceará (UFC) disponibiliza oficinas, palestras, sessões educativas, rodas de conversa e jogos, conduzidos pelos profissionais de saúde locais.

O Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão (HU-UFMA) participa dessa estratégia com a Blitz da Amamentação. O objetivo é incentivar a amamentação exclusiva até o sexto mês de vida do bebê e complementado até os dois anos ou mais. O leite também serve como uma vacina para criança, já que os anticorpos maternos passam para o filho. Dados do Ministério da Saúde, registram que no Brasil, 41% das mães amamentam exclusivamente até os seis meses. De acordo com o chefe do Banco de Leite Humano do HU-UFMA em exercício, Christyann Lima, a proposta é fazer com que o tema seja discutido e disseminado para que informações importantes cheguem a todos. “A amamentação não deve ser só papel da mãe, mas de toda a comunidade”.

Qualificado como Amigo da Criança pela Unicef e pelo Ministério da Saúde desde o ano 2000, o Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco (HC-UFPE) dispõe distribuição de laços dourados, folhetos informativos, reunião científica e rodas de conversas com as lactantes e seus acompanhantes, a equipe multiprofissional da Unidade Neonatal, funcionários do HC, professores, residentes e estudantes.

Curso

Durante todo mês, o Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas disponibiliza um curso de aleitamento materno, direcionado aos profissionais da saúde que atuam na unidade, especialmente na área materno-infantil. Serão três turmas com 20 vagas cada, com encontros em dias e horários diversos, para contemplar os colaboradores de todos os turnos.

Vídeos

Em Dourados (MT), o HU da Universidade Federal da Grande Dourados (HU-UFGD) promoverá, a partir desta quinta (3), além das palestras, a exibição de vídeo com depoimentos de mães que tiveram seus bebês na unidade e que falam um pouco sobre a fundamental ajuda que receberam dos profissionais que trabalham em prol da amamentação. Em outra produção audiovisual, que também será apresentada, a pediatra Larissa Gomes da Costa Franco fala sobre os benefícios da amamentação para mães e bebês.

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social da Ebserh, com informações dos hospitais

 

Registrado em:
Adicionar Comentário

Comentários

  • Nenhum comentário encontrado

Facebook

Twitter

TV Saúde

Web Rádio Saúde

TUBERCULOSE: Ministério da Saúde lança Plano Nacional para enfrentar a doença 

Flickr Saúde

Central de Arquivos

Agosto 2017
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
31 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31 1 2 3
Fim do conteúdo da página