Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Geral
  • publicado
  • Publicado: Quinta, 06 de Dezembro de 2018, 17h59
  • Última atualização: 07/12/18 09h35

SAÚDE CRÔNICA: Exageros e consequências

shutterstock 115103455Dezembro chegou e com esse último mês do ano, chegam também as festas de confraternização do trabalho, da escola, da família ou dos amigos. Bom, eu pelo menos tenho várias pessoas com quem gostaria de confraternizar. E os motivos desse fim de ano ser assim são muitos, mas principalmente pelo natal – época em que muitas pessoas ficam mais emotivas pelo espírito do bom velhinho; e a virada de um ano velho para receber um novo o que marca o fim de um ciclo de 365 dias para começar uma nova etapa.

Na casa da minha avó Haydée, sempre fazemos muita comida para essas duas ocasiões! O pessoal da minha família é bem animado quando se trata de fazer almoço ou jantar para datas comemorativas. São horas na cozinha preparando todo tipo de pratos doces ou salgados, além de muitas bebidas gostosas. E sempre aquelas comidas tradicionais de propaganda de televisão. Eu adoro! São em dias assim que eu esqueço que a barriga tem espaço limitado e como de tudo até só ter espaço para respirar – principalmente as rabanadas que minha avó faz!

Maaas... é aí que está o problema! Com essas festas nós comemos muito, bebemos em excesso e participamos de muitas confraternizações em um espaço de tempo relativamente curto – cerca de um mês. E todo consumo exagerado pode trazer consequências desagradáveis pouco tempo depois ou mesmo problemas podem surgir em anos futuros.

 

 

 

Adicionar Comentário

Comentários

  • Nenhum comentário encontrado

Facebook

Twitter

Fim do conteúdo da página