Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Entenda o SUS > Inscrições abertas para Simpósio de Doenças Emergentes do HDT-UFT
Início do conteúdo da página
Entenda o SUS
  • publicado
  • Publicado: Segunda, 22 de Outubro de 2018, 12h11
  • Última atualização: 24/10/18 14h16

Inscrições abertas para Simpósio de Doenças Emergentes do HDT-UFT

 

Interessados em participar como ouvinte têm até o dia 30 para se inscreverem

69fabdf2-8096-4241-8e4f-4aadfdf466f3A primeira edição do Simpósio da Região Norte de Doenças Emergentes e Reemergentes (SIREDEE) do Hospital de Doenças Tropicais da Universidade Federal do Tocantins (HDT-UFT), vinculado à Rede Ebserh, está com as inscrições abertas até o dia 30 deste mês para os interessados em participar como ouvintes. As inscrições de trabalhos científicos já encerraram. 

 

As inscrições devem ser feitas por meio de formulário online e, para efetivação, deverá ser entregue cesta básica no HDT-UFT, na portaria 03. O participante terá certificado de participação de 40 horas. O evento ocorre nos dias 6, 7 e 8 de novembro no auditório do Colégio Santa Cruz, em Araguaína (TO). 

No simpósio serão apresentados trabalhos científicos que se enquadram na área temática de doenças emergentes e reemergentes, ações de educação em saúde, relatos de caso ou relato de experiências, revisão de literatura e temas transversais (doenças infecciosas e parasitárias, epidemiologia, bioestatística e afins).

O evento é realizado pela Gerência de Ensino e Pesquisa (GEP) do HDT-UFT, por meio do Setor de Ensino e dos Programas de Residência Médicas. Para o gerente da GEP, Antônio de Oliveira Júnior, a expectativa é grande. “Pretendemos socializar com a comunidade médica, profissionais e acadêmicos da saúde, saberes atuais e sistematizados sobre o tema”, afirmou.

Mais informações no site do simpósio ou pelos telefones (63) 3413-8693 e (63) 3413-868.

Saiba mais

A incidência das doenças emergentes e reemergentes em humanos vem aumentando nas últimas duas décadas ou ameaça aumentar num futuro próximo. Ao tentar especificar mais esta noção, verificam-se dois principais focos de atenção: o surgimento ou identificação de novos problemas de saúde e novos agentes infecciosos; e a mudança no comportamento epidemiológico de doenças já conhecidas, incluindo a introdução de agentes já conhecidos em novas populações de hospedeiros suscetíveis.

O HDT-UFT é especializado e referência em doenças tropicais, com enfoque em doenças infectocontagiosas, parasitárias e acidentes com animais peçonhentos e silvestres. Possui residências médicas em: Infectologia, Clínica Médica, Oftalmologia, Pediatria e Medicina da Família e Comunidade. Possui Comitê de Ética em Pesquisa (CEP) com humanos implantado e recebe acadêmicos de cursos da saúde de várias instituições conveniadas. Por se tratar de um ambiente de assistência à saúde, de ensino e pesquisa surge a necessidade de criação de um espaço de diálogos sobre saúde pública e coletiva, dentre os assuntos relevantes no Brasil contemporâneo estão as doenças emergentes e reemergentes.

Sobre a Ebserh

Desde fevereiro de 2015, o HDT-UFT faz parte da Rede Ebserh. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) atua na gestão de hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

A empresa, criada em dezembro de 2011, administra atualmente 40 hospitais e é responsável ainda pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações em todas as unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.

Com informações do HDT-UFT

 

Registrado em:
Adicionar Comentário

Comentários

  • Nenhum comentário encontrado
Fim do conteúdo da página