Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
Geral
  • publicado
  • Publicado: Quinta, 23 de Janeiro de 2020, 19h12
  • Última atualização: 23/01/20 19h12

Gerentes ajudam a organizar os serviços da Atenção Primária

 Profissionais definem os fluxos de atendimento ao cidadão e planejam o trabalho das equipes de saúde

gerenteapsAs Unidades de Saúde da Família (USF) contam, desde o segundo semestre de 2019, com o trabalho de gerentes na Atenção Primária à Saúde. Essa é a primeira vez na história do Sistema Único de Saúde (SUS) que é estimulado a inserção de profissionais específicos para atuar e garantir o planejamento, gestão e organização das Unidades de Saúde da Família da Atenção Primária.

A atuação do gerente da USF na coordenação desses espaços é estratégica e deverá ter como norte o disposto na Política Nacional de Atenção Básica (PNAB).

Assistente social há 17 anos, Márcia Barbosa, atualmente exerce a função de gerente na Unidade de Saúde da Família Nova Lima, em Campo Grande/MS. “Há seis anos eu aceitei assumir a gerencia, uma função de extrema importância, para alinharmos o processo de trabalho dos 56 profissionais de saúde da nossa unidade”.

A gerente destaca o progresso dos serviços da unidade de saúde. “Conseguimos melhorar e ampliar a oferta dos atendimentos. O momento do acolhimento também tem o papel de promover saúde e de proporcionar o bem-estar”, explicou Márcia.

Administrar e planejar

Os gerentes dedicam-se, exclusivamente, à administração e planejamento do dia a dia das unidades de saúde, liberando a equipe para se dedicar às ações assistenciais, sem acumular funções, fomentando a ampliação do acesso e a resolutividade das equipes.

São profissionais responsáveis por administrar as unidades de saúde, acompanhando e ajudando a garantir o acesso aos serviços ao cidadão, como vacinas, consultas para controle da diabetes e hipertensão, pré-natal, entre outras prioridades de acordo com a necessidade da população.

Para se pensar a organização do processo de trabalho das unidades é fundamental que o planejamento seja feito em conjunto com as equipes, para a definição da melhor forma de organização das agendas dos trabalhadores, da dinâmica de registro da produção em saúde e dos eventuais ajustes em processos já existentes.

A ginecologista e obstetra, Maria da Guia de Medeiros, atualmente exerce a função de gerente na Maternidade Escola Januário Cicco (MEJC), em Natal/RN. Apesar de não estar na atenção primária e sim hospitalar, ela médica avalia com estratégica a presença de um gerente em uma unidade de saúde na atenção primária.

“Estou como gerente da Maternidade há sete anos e posso afirmar que esses profissionais garantirá uma atenção primária mais organizada, planejada, diminuindo a sobrecarga das redes secundárias (UPAS) e terciárias (hospitais). Investir na atenção básica pode mudar a história da saúde no Brasil”, afirmou Maria da Guia.

Entrada do SUS

A Atenção Primária à Saúde, é a base do SUS e a porta de entrada preferencial da rede de atenção saúde no SUS. São esses serviços próximos das residências ou dos trabalhos das pessoas, que o cidadão terá acompanhamento da sua saúde por uma equipe com médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, dentistas, técnicos de saúde bucal, além de agentes comunitários de saúde e agentes de endemias.

“Considerando todas as competências e habilidades previstas para o cargo, o gerente é um profissional imprescindível para a organização e qualificação do processo de trabalho das unidades de saúde da Atenção Primária”, destacou o secretário de Atenção Primária à Saúde do Ministério da Saúde, Erno Harzheim.

Gerente nas Unidade de Saúde da Família (USF)

Para preencher as vagas os candidatos devem ter nível superior e, preferencialmente, experiência em Atenção Primária à Saúde. Além disso, os profissionais não podem ser integrantes das equipes vinculadas às Unidades de Saúde da Família ou às equipes de Atenção Primária.

Por Victor Almeida, para Blog da Saúde 

Registrado em:
Adicionar Comentário

Comentários

  • Nenhum comentário encontrado
Fim do conteúdo da página