A exibição do player de áudio desta página depende de javascript. Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Matérias Especiais
Início do conteúdo da página

Matérias Especiais

Matérias Especiais
  • publicado
  • Publicado: Quinta, 02 de Março de 2017, 09h00
  • Última atualização 03/03/17
  • 11h37

Fibromialgia: os desafios de uma doença invisível

Apesar de não ser identificada em exames laboratoriais, a forte dor pode prejudicar muito a rotina das pessoas. Principal tratamento é com a prática de exercícios físicos regulares

WhatsApp Image 2017-03-01 at 15.08.31O servidor público Hélvio Sodré (à direita) recebe um certificado no muay thay

Sentir dores intensas por todo o corpo e ainda lidar com a desconfiança de quem não entende os sintomas. O duplo desafio é constantemente narrado entre pessoas diagnosticadas com fibromialgia, uma dor crônica caracterizada por se disseminar por várias partes do corpo e provocar fadiga, distúrbios de sono e episódios depressivos.

“No começo é bem difícil de você mesmo aceitar a doença, e também é ruim porque as pessoas acham que você está fazendo corpo mole”, descreve o servidor público e músico Hélvio Sodré, de 33 anos, 10 deles debaixo do diagnóstico da fibromialgia.

Por ser silenciosa, não detectável em exames laboratoriais e não causar qualquer transformação externa na pessoa, muitas vezes a fibromialgia é vista como um transtorno apenas psicológico. “Como boa parte dos pacientes sofre muito porque tem dor crônica, eles acabam sendo imputados como doentes psicológicos, o que não é verdade. Eles sentem dor mesmo”, reforça o reumatologista e coordenador da Comissão de Dor, Fibromialgia e outras Síndromes de Partes Moles, da Sociedade Brasileira de Reumatologia (SBR), José Eduardo Martinez.

Registrado em:
Matérias Especiais
  • publicado
  • Publicado: Quinta, 23 de Fevereiro de 2017, 15h22
  • Última atualização 23/02/17
  • 18h51

Efeitos da surdez podem ser minimizados com detecção precoce

audicaoMinistério da Saúde atua para qualificar e ampliar o acesso de pessoas com deficiência auditiva às ações e serviços de saúde

Por todo o mundo, mais de 278 milhões de pessoas têm perdas auditivas de grau moderado a profundo. Desse número, pelo menos 80% dessa população são de países em desenvolvimento como o Brasil. Esses são dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), e apontam para uma medida que pode reduzir pela metade os casos de deficiência auditiva e minimizaria seus efeitos: a detecção precoce.

Atualmente, o Ministério da Saúde atua de maneira mais ostensiva para qualificar e ampliar o acesso de pessoas com deficiência às ações e serviços de saúde. De acordo com Diogo Aguiar, técnico da Coordenação-Geral da Pessoa com Deficiência do Ministério da Saúde, o órgão “vem adotando medidas como o investimento na qualificação de profissionais por todo o país e a estruturação de unidades de saúde”.

Registrado em:
Matérias Especiais
  • publicado
  • Publicado: Quarta, 22 de Fevereiro de 2017, 10h00
  • Última atualização 22/02/17
  • 19h27

Como ter acesso ao diagnóstico e tratamento para Hepatite C no SUS

hepatitec22

A atriz Cristiana Oliveira divulgou nas redes sociais um vídeo onde conta o drama da irmã que perdeu a vida  por causa da hepatite C. No vídeo, Cristiana faz um alerta sobre a importância de fazer o exame para descobrir a doença e, assim, poder começar o tratamento rapidamente.

No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, mais de um milhão de pessoas tem  Hepatite C,  doença silenciosa  que pode causar cirrose, insuficiência hepática e câncer, além de ser responsável por cerca de 50% dos transplantes de fígados em adultos.

Aliado da saúde, esporte contribui com o tratamento de doenças

A amiotrofia espinhal é uma doença que atinge pernas e braços. Como os neurônios motores inferiores da medula são afetados, a força muscular desses membros vai diminuindo cada vez...

Tags: Esportes , Saúde , Judô , Equoterapia
  • publicado
  • 19/01/17
  • 10h00

Cuidados com o sol devem ser intensificados o ano inteiro, não apenas no verão

Dezembro foi instituído como mês chave para as ações nacionais da Campanha de Prevenção ao Câncer de Pele, da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). Conhecido como “Dezembro...

  • publicado
  • 21/12/16
  • 09h10

Você está protegido contra o HPV e outras complicações?

O HPV (vírus do papiloma humano, do inglês human papiloma virus) é uma infecção sexualmente transmissível, provocado por vírus que atacam, especialmente, as mucosas (oral, genital ou...

  • publicado
  • 07/12/16
  • 09h30

Facebook

Twitter

Instagram

TV Saúde

Web Rádio Saúde

RADIONOVELA: Macaco transmissor de febre amarela é história de pescador

Flickr Saúde

Central de Arquivos

Marco 2017
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
27 28 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31 1 2
Fim do conteúdo da página