Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Matérias Especiais
Início do conteúdo da página

Matérias Especiais

Matérias Especiais
  • publicado
  • Publicado: Quinta, 20 de Outubro de 2016, 09h15
  • Última atualização 20/10/16
  • 10h09

Hospital do Paraná é exemplo de gestão e atende 98% pelo SUS

Still001

Uma dor no braço direito fez o médico pedir um exame de ressonância magnética para a Sirlene de Fátima. Ela conta que estava apreensiva com o procedimento, mas tudo mudou assim que foi recebida pelos profissionais do hospital. “Fui atendida em um posto e encaminhada para o Rocio. É difícil este exame, mas não demorou a acontecer. Foi ótimo. Agora é só voltar no médico”, conta aliviada. 

Enquanto isso, no meio da tarde, o helicóptero da Polícia Rodoviária Federal traz uma mulher vítima de acidente de trânsito. A paciente, com grave traumatismo na face, é atendida pelos plantonistas do pronto-socorro. Enfermeiros, técnicos de enfermagem e médico dão andamento aos exames e mediação para estabilizá-la. Tudo em pouco mais de 30 minutos.

Matérias Especiais
  • publicado
  • Publicado: Terça, 11 de Outubro de 2016, 11h30
  • Última atualização 05/06/18
  • 20h27

Entenda a importância do teste do pezinho para o bebê

 

teste01Fotos: Rodrigo Nunes

O teste do pezinho é uma das principais formas de diagnosticar precocemente seis doenças. A família deve levar o recém-nascido a uma unidade de saúde preferencialmente entre o 3° e o 5° dia de vida.

Talvez você já tenha se perguntado do motivo pelo qual o teste do pezinho é feito no pé do bebê. Essa escolha foi feita por ser uma região bastante irrigada do corpo, o que facilita o acesso ao sangue para a coleta da amostra. Em todo o mundo, a coleta do exame é realizada pela punção no calcanhar e por isso, aqui no Brasil, é popularmente chamado de Teste do Pezinho.

Apesar de muitos bebês chorarem durante o exame, por conta da picadinha no calcanhar, não é um exame que traz risco ao bebê.

Registrado em:
Assunto(s): teste do pezinho
Matérias Especiais
  • publicado
  • Publicado: Quarta, 05 de Outubro de 2016, 10h59
  • Última atualização 05/10/16
  • 16h17

MEDICAMENTOS: Saiba como descartar corretamente e as consequências de jogar remédios no lixo comum

bannerdescarteA legislação brasileira define que medicamento é todo produto farmacêutico, tecnicamente obtido ou elaborado, com finalidade profilática, curativa, paliativa ou para fins de diagnóstico; sendo um conjunto de substâncias elaboradas que auxiliam na cura de doenças ou ferimentos.

“Conceitualmente, o medicamento é uma droga, é feito de produtos químicos que podem ser derivados de produtos naturais ou não. Então, o medicamento é algo complexo e pode causar reações variadas em cada pessoa, de acordo com a ação das substâncias contidas nele”, explica a consultora do Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Geisa Farani.

O impacto que os resíduos de medicamentos causam é um grave problema ao meio ambiente e, também, social. Ao descartar os medicamentos no lixo comum, na pia ou no vaso sanitário, você está contribuindo - mesmo que não saiba disso – para um problema de saúde pública.

Registrado em:

População em situação de rua tem direito a assistência em saúde

Saiba como funciona o atendimento no SUS “Tratar os desiguais de forma desigual de modo a alcançar a igualdade de atendimento entre todos os usuários” é a definição de...

  • publicado
  • 28/09/16
  • 14h08

Risco de morte aumenta em até 30% em pessoas sedentárias

O corpo humano é uma máquina que precisa se movimentar. Do mesmo jeito que as máquinas enferrujam, o corpo humano cobra um preço muito alto pela ausência de atividade física. Para se...

Tags: Sedentarismo , Matérias Especiais , Atividade Física , Alimentação , Exercícios
  • publicado
  • 21/09/16
  • 17h24

Conheça os métodos contraceptivos oferecidos pelo SUS

Ao longo dos anos, as mulheres foram ganhando autonomia em relação à saúde reprodutiva e à livre escolha sobre ter ou não filhos, quantos filhos desejam ter e em qual momento da sua...

Tags: saúde reprodutiva , saúde da mulher , métodos contraceptivos , matérias especiais
  • publicado
  • 14/09/16
  • 10h00

Facebook

Twitter

Fim do conteúdo da página