Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Promoção da Saúde > Conheça famílias que disseram sim para a doação de órgãos
Início do conteúdo da página
Promoção da Saúde
  • publicado
  • Publicado: Sexta, 27 de Setembro de 2019, 12h38
  • Última atualização: 27/09/19 16h14

Conheça famílias que disseram sim para a doação de órgãos

Avatar-400x400 V1Já parou para pensar na importância de doar órgãos? É o ato de transformar a tristeza por quem se foi, na alegria por quem pode ficar. É dar oportunidade de vida a uma pessoa desconhecida, mesmo depois que a vida se apagou no corpo de um entre querido.

O Brasil possui o maior programa público de transplante de órgãos, tecidos e células do mundo, que é garantido a toda a população por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), responsável pelo financiamento de cerca de 95% dos transplantes do país.

O Sistema Nacional de Transplantes é formado pelas 27 Centrais Estaduais de Transplantes; 13 Câmaras Técnicas Nacionais; 619 estabelecimentos; 1.157 equipes de transplantes; 574 Comissões Intra-hospitalares de Doações e Transplantes; e 72 Organizações de Procura de Órgãos (OPOs).

No Brasil, a doação de órgãos só será feita após a autorização familiar. Então, para que essa estrutura grandiosa de saúde funcione, é preciso um sim! Por isso, todos os anos, no Dia Nacional de Incentivo à Doação de Órgãos, 27 de setembro, o Ministério da Saúde lança uma nova campanha de conscientização sobre a importância da doação de órgãos.

Este ano, o slogan da campanha é ‘A Vida Continua. Doe órgãos. Converse com sua família’.

Confira algumas histórias reais de famílias que disseram sim para a doação no momento mais difícil de suas vidas.

A Vida Continua - Depoimento Leonardo Alves

A Vida Continua - Depoimento Regina Menezes

A Vida Continua - Depoimento Juliana Barros

Blog da Saúde

Adicionar Comentário

Comentários

  • Nenhum comentário encontrado
Fim do conteúdo da página