Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Entenda o SUS > Novos aplicativos do Telessaúde disponíveis para Android e iOS
Início do conteúdo da página
Entenda o SUS
  • publicado
  • Publicado: Segunda, 30 de Novembro de 2015, 13h04
  • Última atualização: 30/11/15 14h20

Novos aplicativos do Telessaúde disponíveis para Android e iOS

app-ios-androidOs aplicativos do TelessaúdeRS/UFRGS agora estão disponíveis para download nos sistemas Android e iOS. Este mês foram lançados novos apps sobre doença pulmonar obstrutiva crônica, asma, depressão e prevenção de suicídio. O objetivo principal desses apps é fornecer para médicos e outros profissionais que trabalham na Atenção Primária à Saúde/Atenção Básica novas ferramentas para auxiliar o processod e tomada de decisão clínica.

Os aplicativos anteriores - Dieta Dash, Calculadora Gestacional, Risco Cardiovascular, Taxa de Filtração Glomerular e Álcool – agora também estão disponíveis em IOS.

Para conhecer os aplicativos do TelessaúdeRS/UFRGS e fazer o download acesse:

Android – https://play.google.com/store/search?q=telessauders&hl=en
iOS - https://itunes.apple.com/br/developer/erno-harzheim/id1022819656


Veja abaixo descrições mais detalhadas de cada app:

DPOC - Orientações sobre o diagnóstico, classificação e manejo da Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC). Diagnóstico e classificação do DPOC através de parâmetros clínicos e espirométricos. Tratamento sugerido de acordo com classificação da gravidade da patologia, fornecendo orientações não farmacológicas e farmacológicas. Orientações sobre classificação e manejo das exacerbações. Todas recomendações são baseadas nas diretrizes do Global Initiative for Chronic Obstrutive Lung Disease (GOLD) e Caderno de Atenção Básica sobre Doenças Respiratórias Crônicas do Ministério da Saúde.

Asma - Orientações sobre o diagnóstico, classificação e manejo da asma em adultos e crianças maiores de 5 anos. Diagnóstico e classificação da asma através de parâmetros clínicos e espirométricos. Tratamento sugerido de acordo com classificação da gravidade da patologia, fornecendo orientações não-farmacológicas e farmacológicas. Orientações sobre classificação e manejo das exacerbações. As recomendações são baseadas nas diretrizes do The Global Initiative for Asthma (GINA) e Caderno de Atenção Básica sobre Doenças Respiratórias Crônicas do Ministério da Saúde.

ADDS – Apoio ao diagnóstico de depressão e avaliação de risco de suicídio. Visa auxiliar no diagnóstico de depressão e na definição de Risco de Suicídio. Situações Clínicas onde Transtornos Depressivos são mais prevalentes: história pessoal ou familiar de depressão; estressor psicossocial importante; uso frequente dos serviços de saúde; doença crônica; gestação e período pós-parto; sintoma físico sem explicação aparente; dor crônica; fadiga, insônia, ansiedade; abuso de substância; outro transtorno psiquiátrico.

Fonte: TelessaúdeRS/UFRGS

Adicionar Comentário

Comentários

  • Nenhum comentário encontrado
Fim do conteúdo da página