A exibição do player de áudio desta página depende de javascript. Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

banner-960x120

Início do conteúdo da página

Geral

Geral
  • publicado
  • Publicado: Sábado, 31 de Janeiro de 2015, 09h00
  • Última atualização 02/02/15
  • 09h16

Não vacile. Use Camisinha!

Crédito: StepanPopovVocê sabe por que é importante utilizar a camisinha em qualquer tipo de relação sexual? O HIV, vírus causador da aids, está presente tanto no sangue quanto no sêmen e secreção vaginal. Desta forma, a doença pode ser transmitida pelo sexo vaginal, anal ou oral.

Evitar a doença não é difícil. Basta usar camisinha em todas as relações sexuais. Esse é o método mais eficaz para se prevenir contra muitas doenças sexualmente transmissíveis, como a aids, alguns tipos de hepatites e a sífilis, por exemplo. Além disso, evita uma gravidez não planejada. Por isso, use camisinha sempre.

Mas o preservativo não deve ser uma opção somente para quem não se infectou com o HIV. Além de evitar a transmissão de outras doenças, que podem prejudicar ainda mais o sistema imunológico, previne contra a reinfecção pelo vírus causador da aids, o que pode agravar ainda mais a saúde da pessoa.

Comentário (0) Hits: 9218
Registrado em:
Geral
  • publicado
  • Publicado: Sexta, 30 de Janeiro de 2015, 16h37
  • Última atualização 30/01/15
  • 16h37

Novo SAMU de Minas Gerais beneficiará 2,7 milhões de pessoas

Cerca de 2,7 milhões de moradores do sul de Minas Gerais passam a contar a partir deste sábado (31) com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192). Ao todo, 153 municípios serão alcançados por 43 ambulâncias (34 de suporte básico e nove de suporte avançado). A cerimônia de inauguração do serviço foi realizada nesta sexta-feira (29) no município de Varginha, onde funcionará a Central Regional de Regulação das Urgências. O evento contou com a presença do ministro da Saúde, Arthur Chioro, o governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, e o secretário Estadual de Saúde, Fausto Pereira dos Santos.

“Agora, a região do sul de Minas está preparada e contará com o apoio do Ministério da Saúde e do governo do estado para auxiliar no que for preciso, no atendimento na rede de urgência e emergência, e garantir à população mineira um atendimento de saúde digno e de qualidade”, afirmou o ministro da Saúde durante a solenidade. Ainda de acordo o ministro, outro impacto positivo com a chegada do SAMU é o encaminhamento de pacientes de forma correta aos hospitais que têm condições ou que oferecem serviços para aquela urgência.

Para a implantação do SAMU da Macro Região Sul de Minas, o Ministério da Saúde investiu R$ 6,8 milhões na construção e compra de veículos, materiais, mobiliário, equipamentos de tecnologia da informática e rede. Ao todo, 619 profissionais trabalharão no serviço, sendo 67 médicos, 68 enfermeiros e 202 técnicos em enfermagem, além de condutores, farmacêuticos e trabalhadores administrativos. Com o novo SAMU, 475 dos 853 municípios mineiros terão acesso ao serviço, o equivalente a 55,69% de cobertura.

Comentário (2) Hits: 6309
Registrado em:
Geral
  • publicado
  • Publicado: Sexta, 30 de Janeiro de 2015, 16h00
  • Última atualização 30/01/15
  • 15h31

Fiocruz aposta em jogos virtuais para comunicação em saúde

O que pode parecer uma simples brincadeira de criança ou ser visto como um passatempo de algum nerd, cada vez mais se transforma em uma ferramenta que permite influir no aprendizado e no cuidado da saúde por crianças e adolescentes - os jogos virtuais voltados para a área de saúde.

Primeira aproximação ao uso de jogos digitais para Comunicação e Saúde, o pesquisador do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict), da Fiocruz, Marcelo de Vasconcellos, coordena o projeto voltado para jovens que aborda a vida de pessoas que convivem com a Aids, explorando como os diversos personagens lidavam com a realidade da doença. “Partimos de uma pesquisa realizada no Icict que mostrava o descompasso entre os materiais oficiais de comunicação em saúde tratando da Aids e os jovens e adolescentes, que seriam alvo deste material. A pesquisa apontava a necessidade de se contextualizar o conteúdo de saúde para a realidade cotidiana do jovem, fugindo do formato clínico, tão comum nestes materiais. Com isto em mente, imaginamos um jogo formado pelas histórias de vida de pessoas tocadas pela Aids, explorando como os diversos personagens lidavam com a realidade da doença, colocando-a em um contexto mais humano”, explica o pesquisador.

Comentário (0) Hits: 3497
Registrado em:

Saiba por que o teste rápido de HIV/aids pode salvar vidas

No Brasil, cerca de 750 mil pessoas têm o vírus da aids, mas 150 mil ainda não sabem disso. A estimativa é do Departamento de DST/Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde e...

  • publicado
  • 30/01/15
  • 15h30
Comentário (0) Hits: 7222

Comissão criada pelo governo federal vai combater a violência contra o público LGBT

Foi criada nesta quinta-feira a Comissão Interministerial de Enfrentamento à Violência contra Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais. A comissão pretende prevenir,...

  • publicado
  • 30/01/15
  • 14h22
Comentário (0) Hits: 4182

Praticar corrida sem orientação pode causar lesões nas articulações

O verão é uma estação que anima as pessoas a praticarem atividade física para exibir o corpo na praia, na cachoeira ou na piscina. Como queima muitas calorias, a corrida é uma das...

  • publicado
  • 30/01/15
  • 14h13
Comentário (0) Hits: 5628

Facebook

Twitter

Instagram

TV Saúde

Web Rádio Saúde

TUBERCULOSE: Ministério da Saúde lança Plano Nacional para enfrentar a doença 

Flickr Saúde

Central de Arquivos

Junho 2018
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
28 29 30 31 1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 1
Fim do conteúdo da página