Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Geral

Geral
  • publicado
  • Publicado: Quarta, 11 de Fevereiro de 2015, 12h07
  • Última atualização 11/02/15
  • 17h19

Ministro Arthur Chioro diz “mosquito não sabe ler plaquinha de quando termina uma cidade e começa outra”

Muita gente está colaborando com as ações de prevenção à dengue e chikungunya em todo o Brasil. Mas de acordo com o ministro da Saúde, Arthur Chioro, todos devem tomar os cuidados necessários para evitar criadouros do mosquito transmissor das duas doenças, que se desenvolve em água parada. Segundo o ministro, a colaboração de todos eliminando recipientes ou locais onde a água limpa pode ficar parada é muito importante.

O mosquito se desloca para qualquer parte do país e pode transmitir a dengue e a chikungunya até para quem toma as medidas de prevenção. "Mosquito não sabe ler plaquinha de quando termina uma cidade e começa outra. Quando termina um estado e quando termina o outro. Então, ninguém pode colocar a responsabilidade no mosquito, a responsabilidade é nossa. Ou todos nós temos responsabilidade ou nós não vamos poder vencer a guerra contra a dengue, contra a chikungunya".

A cuidadora de crianças Maria da Conceição está alerta e toma todos os cuidados necessários para evitar a dengue e a chikungunya. Ela sempre conversa com os vizinhos para que todos não se descuidem, já que apenas um criadouro pode transmitir a doença para toda a comunidade. "Toda a vizinhança, não deixar lixo acumulado, nem água. Cuidar do seu quintal, tudo direitinho para que não chegue a esse ponto. Tem que todos colaborar para o mosquito de um não ir para a casa dos outros. Quem está fazendo o certo e se o vizinho não colaborar, quem pode ser prejudicado é até quem está se prevenindo"

Comentário (0) Hits: 4835
Registrado em:
Geral
  • publicado
  • Publicado: Quarta, 11 de Fevereiro de 2015, 12h01
  • Última atualização 11/02/15
  • 12h01

Campanha incentiva doação de sangue para pacientes ortopédicos

Fonte: Coffee LoverNa semana que antecede o carnaval, o Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into) promove campanha de sangue para incentivar a doação e beneficiar pacientes internados que necessitam de reserva sanguínea para cirurgias ortopédicas. A campanha organizada pelo Hemointo – posto de coleta e transfusão de sague do Into - convida a todos os voluntários a sair no “bloco da solidariedade” e fazer a doação na sede do Instituto, de segunda a quinta-feira (de 09 a 12/02).

“Nesse período que antecede o carnaval sempre ocorre uma diminuição no número de doações. Precisamos fidelizar esses doadores para que não falte sangue. Por isso, esperamos que a campanha nos ajude a aumentar a oferta para os nossos pacientes”, afirma a médica Fernanda Azevedo, responsável pelo Hemointo.

Em 2014, o Hemointo recebeu 2.148 doações, 14% a mais do que o ano anterior. O tipo sanguíneo com maior demanda por paciente no Instituto foi o “O” positivo. Já o “O” negativo continua sendo o de maior dificuldade em obter doações. Em média, 50 cirurgias ortopédicas por dia com a necessidade de, pelo menos, a reserva de uma bolsa de sangue por paciente para os procedimentos de grande porte como as artroplastias primárias de joelho e de quadril.

Comentário (0) Hits: 3800
Registrado em:
Geral
  • publicado
  • Publicado: Quarta, 11 de Fevereiro de 2015, 11h58
  • Última atualização 11/02/15
  • 11h58

Secretaria Municipal de Saúde promove blitz sobre o uso de preservativos

Com o intuito de disseminar informações sobre a importância do uso de preservativos para o controle do vírus HIV, causador da Aids, a Secretaria Municipal de Saúde vai promover, na próxima sexta-feira (13), uma blitz educativa, das 11h às 14h, no cruzamento entre as avenidas Governador Valadares e Amazonas.  Durante a blitz, serão distribuídos informativos e preservativos...

Comentário (0) Hits: 5188
Registrado em:
Geral
  • publicado
  • Publicado: Quarta, 11 de Fevereiro de 2015, 11h48
  • Última atualização 11/02/15
  • 11h48

Fiocruz Brasília abre inscrições para o IV Curso de Atualização em Introdução à Epidemiologia

A Fiocruz Brasília abriu inscrições para o IV Curso de Atualização em Introdução à Epidemiologia com 20 vagas. Aberto para profissionais com nível superior com interesse no tema, independente da formação, o curso será ministrado entre os dias 16 e 23 de abril, com carga horária total de 30 horas e as inscrições acontecem de 9 de fevereiro a 20 de março. O Curso de Atualização e...

Comentário (0) Hits: 4523
Registrado em:
Geral
  • publicado
  • Publicado: Terça, 10 de Fevereiro de 2015, 18h38
  • Última atualização 11/02/15
  • 11h59

Ação do Ministério da Saúde nos aplicativos de relacionamento Tinder e Hornet surpreende usuários

Você já ouviu falar dos aplicativos de relacionamento “Tinder” e “Hornet”? Os dois são muito utilizados por pessoas de várias idades com objetivo de conhecer possíveis parceiros ou até mesmo dar início a um relacionamento amoroso a partir de localização geográfica e de interesse. O Tinder possui milhares de usuários no Brasil, que é um dos líderes do aplicativo. O Hornet é voltado, especificamente, para o público gay masculino e reúne milhares de usuários no país. O Ministério da Saúde, durante a campanha de Prevenção às DST e aids do Carnaval 2015, também está participando dos aplicativos como estratégia de publicidade para dar dicas aos usuários que utilizam as redes, que tem como público-alvo os jovens, heterossexuais, a população gay e HSH (homens que fazem sexo com homens). Afinal de contas, é difícil saber quem tem HIV apenas por um contato virtual.

A ação aconteceu por cinco perfis fictícios criados especialmente para a campanha, que exibem em suas descrições supostas frases de apoio ao sexo sem camisinha. Ao passar as fotos do perfil fictício, o usuário poderá ver as imagens da campanha do Ministério da Saúde com o alerta para o uso da camisinha e a importância de realizar o teste de HIV, que é rápido, seguro e sigiloso.

APP TINDER

Comentário (0) Hits: 15349
Registrado em:
Geral
  • publicado
  • Publicado: Terça, 10 de Fevereiro de 2015, 17h26
  • Última atualização 11/02/15
  • 09h32

Saúde vai custear 1.048 novas bolsas de residência médica em 2015

Egressos de faculdades de medicina terão mais oportunidades para se especializar. O Ministério da Saúde vai financiar 1.048 novas bolsas de residência em 47 especialidades prioritárias para o Sistema Único de Saúde (SUS). Com a expansão, serão abertas 6.545 vagas em todo o país, o que representa um crescimento de 19% em relação ao ano passado. A portaria com o resultado das instituições autorizadas será publicada no Diário Oficial da União.

Além dessas bolsas, o Ministério da Saúde também lançará um edital para instituições que não foram contempladas em seleções anteriores solicitarem financiamento de bolsas de residência em medicina geral de família e comunidade. As medidas fazem parte do Programa Nacional de Apoio à Formação de Médicos Especialistas em Áreas Estratégicas (Pró-Residência), que estimula a expansão de vagas em programas de residência médica.
“Nós estamos consolidando a ideia de que o SUS tem o compromisso de também cuidar da formação do profissional de saúde, especialmente em medicina da família, permitindo que os médicos que atuem em equipes de saúde da família tenham a formação adequada. Além disso, o financiamento das bolsas pelo Ministério da Saúde permite que os municípios, que já oferecem residências com recursos próprios, possam investir esse recurso em outras atividades”, destacou o ministro da Saúde, Arthur Chioro.

Comentário (0) Hits: 9684
Registrado em:
Geral
  • publicado
  • Publicado: Terça, 10 de Fevereiro de 2015, 14h18
  • Última atualização 10/02/15
  • 14h18

Ministério da Saúde alerta para os riscos de beber antes de dirigir

Quem precisar ir de carro para chegar aos bailes de carnaval deve ficar longe de bebida alcóolica. De acordo com o Ministério da Saúde, muitas vítimas de trânsito atendidas nos prontos-socorros brasileiros beberam antes de dirigir. O comerciante Francisco Pinheiro, por exemplo, conta que quase perdeu a vida dirigindo alcoolizado. "Eu passei o dia todo no churrasco do meu irmão. Meu irmão e...

Comentário (0) Hits: 6582
Registrado em:
Geral
  • publicado
  • Publicado: Terça, 10 de Fevereiro de 2015, 14h10
  • Última atualização 18/02/15
  • 16h48

Armazenamento inadequado de água pode favorecer a reprodução do Aedes Aegypti

O Ministério da Saúde apoia a iniciativa, mas faz um alerta sobre as formas adequadas de armazenagem para evitar a reprodução do mosquito transmissor da dengue. É o que explica o ministro da Saúde, Arthur Chioro. "Nós temos a convicção de que o aumento do número de casos já começa a estar relacionado não apenas com as condições climáticas, mas também com a falta de água que...

Comentário (1) Hits: 6360
Registrado em:

Encontro apresentará projeto de incentivo à qualidade no parto

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) realizará no próximo dia 25/02, no Rio de Janeiro, um encontro para apresentar o Projeto de Indução da Qualidade no Parto. A atividade é...

  • publicado
  • 10/02/15
  • 14h05
Comentário (0) Hits: 3729

Brigas podem causar lesões e até fraturas graves

Época de alegria e de folia nas ruas, o carnaval também é um período de muitos excessos, do consumo exagerado de bebidas alcóolicas a brincadeiras brutas e desagradáveis, que podem...

  • publicado
  • 10/02/15
  • 13h59
Comentário (0) Hits: 9747

Ministério da Saúde divulga municípios contemplados no Programa Mais Médicos

O ministério da Saúde anuncia nesta quarta-feira (11/2) os municípios contemplados com médicos na primeira chamada do novo edital do Programa Mais Médicos. O ministro da Saúde, Arthur...

  • publicado
  • 10/02/15
  • 11h52
Comentário (16) Hits: 17327

Facebook

Twitter

Fim do conteúdo da página