Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Promoção da Saúde > Dor ao engolir e salivação excessiva são alguns dos sintomas da estomatite
Início do conteúdo da página
Promoção da Saúde
  • não publicado
  • Publicado: Segunda, 12 de Março de 2012, 08h33
  • Última atualização: 03/10/13 12h41

Dor ao engolir e salivação excessiva são alguns dos sintomas da estomatite

Foto: Corbis ImagesPais devem ficar atentos a sintomas como salivação excessiva, dor ao engolir ou ao comer, febre e mau hálito em crianças. Esses podem ser sinais da estomatite, lesão da área que cobre a parte interna da boca e que pode ser transmitida por bactérias, vírus e fungos. Aquela feridinha conhecida como sapinho, na verdade, é um tipo de estomatite causada por fungo.

A pediatra do Hospital da Criança Conceição em Porto Alegre, ligado ao Ministério da Saúde, Márcia Marquesan, explica como as estomatites aparecem nas crianças: “Então, se é uma placa branca que facilmente se solta quando a gente raspa, mas que fica um pouco sangrante embaixo é o sapinho que é aquele que a gente raspa e em seguida sai aquela lesão e a criança não tem um machucado na boca, ela só tem uma placa branca. As que são por vírus, por exemplo, o vírus do herpes que pode causar lesões dentro da boca são lesões mais feias, são como aftas, umas aftas muito grandes, é uma bolha d’água que se rompe e que pode sangrar.”

Para evitar o problema, a especialista destaca como essencial manter a higiene das mãos e da boca: “É manter cuidados de higiene dos objetos em que a criança tem contato. Chupetas, bicos de mamadeira eles devem ser lavados e fervidos diariamente. Cada criança tem que ter os seus objetos de uso individual, não trocar, compartilhar objetos com outras crianças. Evitar se beijar as crianças na boca porque a gente tem bactérias, fungos tudo dentro da nossa boca só que para nós pode não estar causando nenhuma lesão, mas um bebê que não tem a imunidade completamente formada vai causar uma lesão.”

A pediatra Márcia Marquesan conta que não há grandes motivos para que os pais fiquem preocupados. Na maioria dos casos, a estomatite é eliminada por conta própria. Com exceção do sapinho porque é causado por um fungo e precisa de tratamento adequado.

Fonte:  Hortência Guedes / Web Rádio Saúde

Adicionar Comentário
  • Blog da Saúde

    Denunciar Link Permanente

    Olá, Poliana.

    Infelizmente não podemos fazer diagnósticos por meio do Blog da Saúde. Por favor, procure uma Unidade de Saúde perto de sua casa e leve o seu filho para que um pediatra faça os exames necessários.

    Continuamos à disposição.

    Att,

    Equipe Blog da Saúde

    cerca de 7 anos atrás
  • Poliana Castro

    Denunciar Link Permanente

    Boa tarde,

    Meu filho de dois anos e meio, de uma semana pra cá tem apresentado um excesso de salivação, e cospe o tempo todo, não engolindo a própria saliva, me informaram que poderia ser vermes fiz a utilização de Albendazol, porém ele continua da mesma forma.
    O que poderia ser, pois ele continua se alimentando bem e sem queixa de dores.
    Grata

    cerca de 7 anos atrás
Fim do conteúdo da página