Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Promoção da Saúde > Anemia: Falta de apetite e cansaço podem indicar falta de ferro
Início do conteúdo da página
Promoção da Saúde
  • não publicado
  • Publicado: Sexta, 23 de Março de 2012, 12h36
  • Última atualização: 03/10/13 10h59

Anemia: Falta de apetite e cansaço podem indicar falta de ferro

Na rotina diária, muitas vezes achamos normal sentir um pouco de cansaço. No entanto, devemos estar atentos, pois esse pode ser um dos sintomas da anemia. A doença é caracterizada pela diminuição da taxa de hemoglobina, proteína presente no sangue que carrega oxigênio por todo corpo. É exatamente a falta desse oxigênio que resulta na fadiga. Além disso, descoloração na mucosa dos olhos, palidez na palma das mãos, “vista escura” e falta de apetite podem ser indicadores desse mal.

Sylvio Provenzano, chefe do setor de medicina interna do serviço de clínica médica do Hospital Federal dos Servidores do Estado, no Rio de Janeiro, explica que a perda de sangue também é um importante fator indicativo da doença. “A mulher que sangra muito, de sete a dez dias, em sua menstruação, deve ficar atenta. Assim como homens que também apresentem sangramento, decorrentes de úlceras, por exemplo”, afirma.

A falta de nutrientes como ferro e vitamina B12 pode ser determinante para o surgimento da anemia.  Apesar da doença ser decorrente de várias causas, essa é a mais comum, de acordo com Sylvio Provenzano. O médico ressalta que o diagnóstico é de fácil realização através de um exame de hemograma e lembra que no caso do surgimento dos sintomas citados, deve-se procurar atendimento o mais rápido possível.

Imagem: CorbisPrevenção – Karla Ramos, nutricionista e técnica da Coordenação Geral de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde, afirma que uma alimentação saudável, com frutas, verduras, legumes e produtos de origem animal com alto teor de ferro ajudam a combater o surgimento da anemia. “Couve, espinafre, brócolis, feijão, peixes, leite, ovos e fígado de galinha ou bovino são grandes aliados. Além desses, é importante o consumo de sucos que tenham alto teor de vitamina C, como sucos de laranja, maracujá e acerola, que potencializam a absorção do ferro”, explica.

O Ministério da Saúde está em fase de implantação do Programa Nacional de Suplementação de Ferro em todos os municípios, cujo objetivo é promover a suplementação universal de crianças de 6 a 18 meses, gestantes a partir da 20ª semana e mulheres no pós-parto.

Os suplementos de ferro serão distribuídos, gratuitamente, nas unidades de saúde que integram a rede do SUS em todos os municípios brasileiros, de acordo com o número de crianças e mulheres que atendam ao perfil de sujeitos da ação do programa.

Além da suplementação preventiva, as mulheres e os responsáveis pelas crianças atendidas pelo programa serão orientados acerca de uma alimentação saudável e sobre a importância do consumo de alimentos ricos em ferro. Eles receberão também informações sobre alimentos facilitadores ou dificultadores da absorção do ferro para a prevenção da anemia.

Fonte: Samuel Bessa/ Agência Saúde

Adicionar Comentário
Fim do conteúdo da página