Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Promoção da Saúde > Doce, azeite e suco de tomate reduzem efeitos da ressaca
Início do conteúdo da página
Promoção da Saúde
  • não publicado
  • Publicado: Quinta, 02 de Janeiro de 2014, 12h55
  • Última atualização: 02/01/14 12h55

Doce, azeite e suco de tomate reduzem efeitos da ressaca

Foto: TongRo Images/CorbisCom a chegada das festas de fim de ano, é normal querer rever os amigos e familiares, sair da dieta e beber bem, além de aproveitar os dias de descanso. Com tanta variedade, é comum exagerar um pouco na dose de bebida e sentir no dia seguinte os efeitos do excesso: a famosa ressaca. Mas com a alimentação adequada e medidas simples, é possível minimizar os efeitos do álcool e acordar mais disposto. “Com o excesso de bebida alcoólica, o mal estar no outro dia é inevitável. Entretanto, uma alimentação saudável e uma boa hidratação ajudam a amezinhar o mal estar”, orienta o nutricionista, do Hospital Federal da Lagoa, Felipe Rizzetto.

Existe uma gama de receitas populares que muitas vezes não resolvem ou até mesmo pioram os sintomas da bebedeira. Confira alguns dos mitos e verdades na hora de acabar com a ressaca:

Ingerir suco de tomate ajuda (verdade)
O importante é hidratar, repor energia. O suco pode ser de qualquer sabor, mas o de tomate é especialmente melhor para a ressaca, por ser um alimento rico em vitaminas e potássio.

Gengibre não ajuda no combate aos males da ressaca (mito)
Gengibre, hortelã e leite são ingredientes recomendados para acalmar o estômago, aliviar as náuseas e o mal estar.

Tomar uma colher de azeite de oliva antes de beber (verdade)
O azeite ajuda a diminuir o ritmo de absorção do álcool. Mas é importante evitar a ingestão de alimentos gordurosos e fritos enquanto bebe, pois o excesso de óleo ataca o fígado.

A dor de cabeça só melhora com o consumo de analgésicos (mito)
A dor de cabeça pode ser combatida sem o uso de remédios. Alguns alimentos ajudam a combater o mal estar. Um exemplo é o filé de atum, que possui enzimas capazes de minimizar a sensação latejante. O alecrim também pode melhorar a circulação sanguínea no cérebro e aliviar a pressão sentida no órgão.

Os doces previnem e minimizam os sintomas (verdade)
Sim, eles ajudam a equilibrar a quantidade de açúcar no sangue. Dê preferência aos alimentos ricos em açúcar natural como goiabada, mel e açúcar mascavo. Mas evite doces que contêm muita gordura, porque atrapalham a digestão.

O descanso contribui para a melhora dos sintomas da ressaca (verdade)
É importante descansar, para repor energia e aumentar a sensação de bem estar.

Atividades físicas não são recomendadas (verdade)
Como organismo está desidratado e debilitado de nutrientes, a prática de atividades físicas pode ocasionar queda de pressão, náusea e vômito.

Hidratação é a melhor forma de combater a ressaca (verdade)
O mais importante é repor os líquidos perdidos. Só assim o organismo vai conseguir recuperar os sais minerais, vitaminas, cálcio, potássio e magnésio que foram eliminados na urina. É recomendada a ingestão de água pura, água de coco e sucos naturais.


Fonte: Érica Santos / Comunicação Interna / Agência Saúde

Adicionar Comentário

Comentários

  • Nenhum comentário encontrado
Fim do conteúdo da página